Política

Reino de eSwatini apoia candidato de Angola

A ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional do Reino de eSwatini, Thulisile Dladla, reafirmou, segunda-feira, o apoio do seu país à candidatura de Angola ao posto de secretário-geral do grupo de países África, Caraíbas e Pacífico (ACP).

A garantia foi dada ao embaixador cessante não residente de Angola naquele país (antiga Suazilândia), Brito Sozinho, quando apresentava cumprimentos de despedida, no fim da sua missão, iniciada em 2016.
Thulisile Dladla recordou que, atendendo a um pedido das autoridades angolanas, o Reino de eSwatini retirou a sua candidatura, a favor do candidato de Angola, Georges Chikoti, actual embaixador na Bélgica.
No encontro com a ministra Thulisile Dladla, que recebeu o embaixador Brito Sozinho em nome do Rei de eSwatini, Mswati III, foram abordadas formas de promover a cooperação entre os dois países, principalmente nos domínios da Agricultura e Agro-pecuária.