Política

Comércio conta com Emirados Árabes Unidos

Angola pretende reformar a estrutura económica do país, com o apoio e parceria dos Emirados Árabes Unidos, tendo em conta a sua experiência socioeconómica, disse ontem, em Luanda, o ministro da Indústria e Comércio, Victor Fernandes.

Victor Fernandes, que se reuniu, ontem, com o Sheik Ahmed Al Maktooum, dos Emirados Árabes Unidos, disse que do leque de projectos existentes, a priorida-de com os Emirados Árabes Unidos vai para os sectores da alimentação, tecnologias e produção de equipamentos, para a diversificação da economia.

Segundo o ministro, o sector está disponível para dar um impulso significativo nos projectos existentes na agro-indústria, e para que tal facto aconteça, conta com o apoio dos Emirados Árabes Unidos para esta empreitada.
Segundo Victor Fernandes, é de conhecimento de todos que o país está a gizar esforços para aumentar a produção nacional, com destaque para os sectores da Indústria e Agricultura.
"Afirmámos ao representante dos Emirados Árabes Unidos que o país está disponível em trabalhar, com grande enfoque nos projectos de natureza agro-industrial", sublinhou.

O ministro confirmou que os Emirados Árabes Unidos estão, também, interessados em investir nessas áreas.
"Queremos alterar a estrutura económica do país, à semelhança do que fizeram os Emirados Árabes Unidos, que também tinham uma grande dependência do petróleo. Na troca de experiência entre países, podemos aprender com o histórico deles, que foi introduzindo melhorias na sua estrutura económica, e hoje já não depende do petróleo", disse.