Opinião / Cartas dos Leitores

Treino de futebol

Sou um leitor assíduo do Jornal de Angola, e hoje escrevo para abordar o papel honroso que os jogadores que abandonam os relvados dão, na condição de auxiliares da equipa técnica.

Falo, concretamente, dos casos de André Makanga, Arsénio Kabungula, popularmente conhecido por "Love", que está a auxiliar o treinador da selecção nacional de futebol.  Ao lado do trabalho que muitos prestam nas equipas em que acabam as suas carreiras, não há dúvidas de que podem emprestar uma parte modesta da sua carreira, ao serviço da selecção nacional de honras. Embora, o trabalho de treinos em futebol obrigue à formação, propriamente dito, é plenamente normal que figuras que tiveram toda uma trajectória como praticantes de futebol ao mais alto nível, saibam fazer o retorno. Depois de longos anos de prática de futebol, em que receberam muita formação e aprenderam muito, não há dúvidas de que depois, acabam por ter muito para retornar e assim se fazem as sociedades. Espero, que mais futebol tenha capacidade e disponibilidade para sempre que solicitados, possam emprestar o seu modesto saber.
Para terminar, endereço ao antigo internacional "Love", palavras de encorajamento para que consiga seguir em frente, e possa eventualmente merecer os cursos de superação e de formação.

Luís Tavares |Negage