Mundo

Homens armados matam mais sete pessoas na província de Cabo Delgado

Sete pessoas morreram e outras quatro foram raptadas num novo ataque efectuado quinta-feira à noite por grupos desconhecidos na província de Cabo Delgado, norte de Moçambique.

Segundo as autoridades locais, a população, que não dorme na aldeia por receio de novos ataques, foi surpreendida quando pernoitava em acampamentos instalados agora na mata, segundo as mesmas fontes. As vítimas foram todas decapitadas pelo grupo, que também raptou quatro mulheres e um jovem. Desde Outubro de 2017, já terão morrido cerca de 150 pessoas, entre residentes, supostos agressores e elementos das forças de segurança, o que levou os Estados Unidos a disponibilizarem-se para ajudar as autoridades moçambicanas a resolverem o problema.