Desporto / Futebol

Palancas Negras chamados para jogo com o Botswana

O seleccionador nacional, Srdjan Vasiljevic, divulga hoje, às 11h00, a convocatória dos Palancas Negras em conferência de imprensa, em Luanda, para o jogo com as Zebras do Botswana, no próximo dia 22 do corrente, no Estádio de Francistown, partida referente à sexta e última jornada do Grupo I da campanha de apuramento à fase final da 32ª edição da Taça de África das Nações (CAN), a ter lugar de 21 de Junho a 19 de Julho, no Egipto.

Durante o encontro com os jornalistas, Srdjan Vasiljevic vai falar também do programa de preparação antes da viagem para Francistown, cidade que dista
400 quilómetros da capital do Botswana, Gaberone.
Dos futebolistas, que jogam no continente europeu, apurou o Jornal de Angola, o treinador convocou Djalma Campos, Freddy, Jonathan Buatu, Bastos Quissanga, Stélvio da Cruz e Wilson Eduardo (já em Luanda devido ao falecimento do seu pai, esta semana). 

Da lista do sérvio, salta à vista a ausência do capitão, Mateus Galiano, do Boavista FC, e de Gelson Dala, Rio Ave FC, o primeiro cumpre um jogo de suspensão, por acumulação de cartões e o segundo recupera de uma lesão.
Vasiljevic chamou o extremo esquerdo Nelson da Luz, do 1º de Agosto, recuperado da lesão contraída em Junho, no Estádio Nacional da Cidadela, ao serviço dos Palancas Negras após uma disputa de bola.
Os Palancas Negras concentram-se domingo à noite no Hotel Samba, para darem início a preparação segundafeira, às 18h00, no Estádio Municipal dos Coqueiros, na Baixa de Luanda.
A equipa técnica agendou o treino para o período nocturno adaptem à luz artificial. Para Francistown, a Selecção Nacional embarca na próxima quarta-feira no final da tarde, já que no dia seguinte cumpre a tradicional sessão de treino de reconhecimento e adaptação ao palco do desafio.
Srdjan Vasiljevic vai aproveitar a preparação para aprimorar o entrosamento táctico do conjunto, mas antes recupera o grupo devido ao cansaço da viagem de cerca de cinco horas e meia de voo, entre Luanda e Francistown.
A CAF nomeou um quarteto de árbitros egípcios, chefiado por Amin Mohamed Omar, tendo como juízes assistentes Tahssen Abo El Sadat Bedyer e Ahmid Tawfik Teleb Ali. Mohamed Adel Elsaid Hussein é o quarto árbitro do desafio, enquanto o organismo reitor do futebol africano indicou para comissário ao jogo Mohan John Sentso John, do Lesotho. 

 Burkina Faso joga cartada decisiva com a Mauritânia

 A Selecção do Burkina Faso joga cartada decisiva diante da similar da Mauritânia, em Ouagadougou, no Estádio 4 de Agosto, relativo à sexta e última jornada do Grupo I, de Apuramento ao Campeonato Africano das Nações (CAN/2019), a decorrer no Egipto.
Na qualidade de vice-campeão africano, o Burkina Faso é obrigado a vencer e esperar por um deslize da congénere de Angola frente ao Botswana,
para garantir a qualificação na prova continental.Com sete pontos, os Cavalos Burquinabes ocupam a terceira posição, ao passo que os Palancas Negras aparecem no segundo lugar, com nove pontos. Para a "operação Mauritânia", o técnico Paulo Duarte convocou os seus principais
jogadores que actuam no "velho continente", como são os casos de Jonathan Pitroipa e Aristide Bance e Bertrand Traoré.