Economia

Ponderada subvenção ao combustível agrícola

O chamado “gasóleo verde”, combustível subvencionado pelos Estados para fins agrícolas, está entre as medidas que estão a ser equacionadas pelo Executivo para a redução dos custos de produção no sector da Agricultura, admitiu, na cidade do Luena, o ministro do Estado para o Desenvolvimento Económico e Social.

Manuel Nunes Júnior referiu a redução de custos na abertura do Iº Conselho Consultivo do Ministério da Agricultura e Florestas, no que se tornou num dos mais importantes debates que ocorreram no encontro que ontem encerrou no Luena.
Integrada, entre outros mercados, na Comunidade da África Austral (SADC), Angola quer ver os seus produtos agro-pecuários a competir com os produzidos em geografias da região.
Frequentemente associados aos elevados custos de produção agrícola no país, os preços dos combustíveis em Angola são apontados como um dos factores que mais contribuem para os elevados custos de produção, que encarem o consumo.
Tendo em conta o grau de intervenção financeira do Estado na comercialização e distribuição de combustíveis, diversas organizações agrícolas e afins têm vindo a pressionar as autoridades para a criação de subsídios nos combustíveis destinados à agricultura.