Economia

Nova Pauta Aduaneira entusiasma empresários

Comerciantes do Cuando Cubango aplaudiram terça-feira, em Menongue, a entrada em vigor da Pauta Aduaneira de 2017, pelas múltiplas vantagens para as exportações, importações e desalfandegamento das mercadorias, do quadro do Sistema Harmonizado da Organização Mundial das Alfandegas (OMA).

Num encontro orientado por Tomás Pedro Chimunga, técnico superior da Administração Geral Tributária (AGT), homens de negócios do Cuando Cubango mostraram-se entusiasmados com a disseminação do novo instrumento, que entrou em vigor ontem, depois da aprovação por decreto presidencial de 03/18 de 9. O empresário Mário Tchilingutila, comerciante de mobiliário e electrodomésticos, considerou que, com a isenção, agravamento e desagravamento das taxas de algumas mercadorias, a economia nacional pode ser relançada, já que as facilidades encontradas na importação vão-se reflectir na redução do preço para o cliente.
Outro comerciante, Pedro Mbyavanga, que importa produtos da cesta básica e bebidas alcoólicas, disse que o agravamento das taxas de importação de todo o tipo de bebidas vai contribuir para o aumento da produção local, um cenário que pode propiciar a exportação para outros países.