Desporto

D’Agosto quer igualar “play-off” da meia final

A equipa do 1º de Agosto é obrigada a vencer o Exército, hoje às 19h30, no Pavilhão Anexo I da Cidadela, no segundo jogo do “play-off”  da meia-final do Campeonato Nacional sénior masculino de hóquei em patins, a melhor de três, depois de ter sido derrotada ontem.

Henriques Pinheiro, treinador rubro e negros, conversou durante uma hora com os jogadores, depois da derrota inesperada, por 2-1, na marcação de grande penalidades, após igualdade a três bolas no tempo regulamentar.
Conscientes de que qualquer erro pode comprometer as aspirações da equipa, os jogadores sabem da importância de vencer a aguerrida equipa do Exército, que repetiu a proeza da terceira jornada, na fase regular da competição.
António Bernardo "Nado", técnico da equipa satélite do 1º de Agosto, diz que tem um grupo de atletas capaz de apresentar argumentos para travar os intentos do adversário, e tentar a inédita qualificação para a final, quatro anos depois da aparição no Campeonato Nacional.
A equipa do Exército adi-antou-se no marcador com “bis” de Kaká, ao passo que Guedes e Rui Miguel igualaram para o vice-campeão, resultado que persistiu até ao final da partida. No prolongamento marcaram Lelas (Exército) e Rui André (1º de Agosto).
Na marcação das grandes penalidades, os pupilos de António Bernardo converteram duas contra uma dos rubro e negros. Na outra meia-final, a Académica despachou a Marinha, por 14-3, e está a uma vitória de garantir presença na final. As duas equipas voltam a defrontar-se hoje, às 18h00, no mesmo recinto. A Marinha foi a terceira classificada da fase regular, com 19 pontos.